CARTA DE CAMINHA

Musical work by Rui de Luna based on Pêro Vaz de Caminha’s Carta.  This project was ordered by the Torre do Tombo and premiered on their great auditorium. After the premiere’s huge success, another concert followed. It was presented at the Antionian celebrations at the Church of Capuchos, Lisbon, and it integrated the Musical Festival of the House of Bragança, presented at the Pantheon of the dukes of Bragança. Last January, it closed at the auditorium of the National Library of Lisbon, on the commemorations of the 400 years of the foundation of Belem do Pará, and the release of the Camões magazine by the same institute.

This work is made for piano, organa and percussion (using traditional instruments from the natives of Amazonia) and the original script is spoken by two actors. The concert is cinematographically accompanied by images from the Armada of Pedro Álvares Cabral, as well as images from the King D. Manuel I, navigation letter and iconographic images of the flora and fauna from the Lands of Vera Cruz, made available by the Torre do Tombo.

Obra musical de Rui de Luna, baseada na Carta de Pêro Vaz de Caminha. Foi encomendada pela Torre do Tombo e estreada no grande auditório da Torre do Tombo. Seguiu o seu percurso com mais um concerto na Torre do Tombo depois do enorme sucesso na estreia. Foi apresentada nas Celebrações Antonianas, na Igreja dos Capuchos em Lisboa, integrado no Festival de Música da Casa de Bragança, com apresentação no Panteão dos Duques de Bragança e em Janeiro último encerrou no auditório da Biblioteca Nacional de Lisboa, as comemorações dos 400 anos da fundação de Belém do Pará e o lançamento da revista Camões do mesmo Instituto.

A Obra é composta para piano, órgão e percussão (com recurso a instrumentos dos Índios da Amazónia) e o texto original é dito por dois actores.

O concerto é cenograficamente suportado por imagens, da armada de Pedro Alvares Cabral, assim como outras imagens do Rei D. Manuel I, Cartas de Navegação e imagens iconográficas da fauna, flora das Terras de Vera Cruz, disponibilizados pela Torre do Tombo.